Novidades

O Nome de Deus

Em Êxodo 3, Deus se manifesta revelando a Moises o seu nome: Javé (Yahweh). Esse nome é rico em significado, no contexto em que está sendo revelado. Vejamos o tecido do texto: Êxodo 3,1-15.

 

Ex 3,7…………… Eu vi a miséria do meu povo.

Ex 3,7…………… Ouvi  o seu clamor.

Ex 3,7…………… Conheço o seu sofrimento.

Ex 3,8…………… Desci para libertá-lo.

Ex 3,10…………. Eu envio você para tirar o meu povo do Egito.

Ex 3,12…………. Eu estou com você.

Ex 3,14…………. Eu Sou aquele que é.

Ex 3,14,………… Eu Sou me enviou até vocês.

Ex 3,15…………. Este é o meu nome para sempre.

Ex 3,15…………. Esta será a invocação de geração em geração.

Em Êxodo 2, 23-25 vemos o povo gemendo sob o peso da escravidão e ergue seu clamor até o céu. Veja como Deus reage, como ele toma iniciativas.

Ex 2,23……… os israelitas gritaram do fundo da escravidão

Ex 2,23……… o seu clamor subiu até Deus

Ex 2,24……… E Deus ouviu os seus gemidos

Ex 2,24……… Deus lembrou-se de sua aliança

Ex 2,24……… e Deus conheceu sua penúria

Pronunciar o nome de Deus é o mesmo que invocar sua presença. Ele se faz presente, se achega, se interessa, toma conhecimento, toma partido, providencia um plano, arquiteta uma nova realidade. Não o faz sozinho, forma equipe.

O nome de Deus (Javé) nas tradições judeu-cristã-evangélica:

O que dizer de Javé, Yahweh? Jeová, Yehowah? 1. É  uma questão de regra gramatical; 2. É resultado de uma visão e atitude piedosa de grupos religiosos tanto judeu quanto protestante.

Vamos a explicação gramatical:

Yahweh é o Seu Nome. Dito em português: Javé. No original hebraico esse nome é um tetragrama de quatro consoantes:

tetragrama

            Judeus piedosos, trezentos anos (300 a.C) antes de Cristo por profundo respeito, alteraram a pronúncia e a escrita do nome Yahweh (Javé). Adicionaram as vogais do nome <Adonay> que significa: ‘Meu Senhor’ ao nome ‘Yahweh’, resultando numa nova escrita e pronúncia: Yehowah (Jeová).

tetragramaeadonai

Uma regra gramatical transforma o <a> de Adonai em <e> junto do <Y> fazendo com que o nome fique assim: YeHoWaH/Jeová.

Dentro do movimento protestante, temos o seguinte:

No dicionário da Bíblia Almeida diz o seguinte:

“A forma JEOVÁ (YEHOVAH), que só apareceu a partir de 1518, não é recomendável por ser híbrida, isto é, consta da mistura das consoantes de YHWH ( O ETERNO ) com as vogais de ADONAI (SENHOR). (Dicionário da Bíblia de Almeida p.146 ).

Charles Taze Russell, que nasceu nos Estados Unidos fundou o movimento religioso chamado “Estudantes Internacionais da Bíblia” e que desde 1931, foram chamadas de Testemunhas de Jeová,  eles, assumiram essa tradição e divulgação do nome no meio do povo, da cultura moderna.

Contudo, o Cristianismo e o Judaísmo rejeitam essa forma errada de pronunciar o nome de Deus, ensinado a forma correta: Javé.

Deixe uma resposta