Novidades

esperança

Apocalipse – II: Conteúdo do livro.

  Após nossa introdução ao livro do Apocalipse (Apocalipse -I), apresentamos agora, de modo geral, o conteúdo do livro. Nesse artigo, nos valemos da obra do autor renomado Werner Kümmel.             “Depois da introdução no cap. 1, o Apocalipse é dividido em duas partes principais formalmente distintas: os cap. 2 e 3 são palavras de exortação dirigidas à igreja na época do escritor (as chamadas sete cartas); os cap. 4 a 22 revelam o futuro. É esta a segunda parte principal que abrange quase três quartos do livro inteiro e que possui um sentido estritamente [ Continue lendo]

Apocalipse – I: Início de conversa.

Caro leitor, com esse artigo iniciaremos uma série de reflexão e explicação do livro do Apocalipse, atendendo assim, as muitas solicitações de nossos leitores e internautas.                 Para muitos de nós, o livro do Apocalipse, é cheio de surpresas. Nele está contido o fim do mundo; ele descreve um futuro sombrio, de medo, de tragédia, de dor, de sofrimento, de destruição e morte. É o que muitos afirmam após uma leitura superficial ao pé da letra. É um livro terrível que se impõe com autoridade (não mudará uma virgula do que está escrito…e ai de [ Continue lendo]

A vida venceu a morte! Eis o significado pascal e a palavra final

Páscoa, passagem da escravidão para a liberdade (êxodo); do velho homem/mulher para o novo homem/mulher (cartas paulinas); da morte para a vida (apocalipse). Páscoa de Jesus (ressurreição)! Páscoa dos cristãos (escaton, parusia)! É nesse contexto que entendemos que a palavra final não é desesperança, morte, mas justamente o contrário: a eternidade e perenidade da Existência. Eis o significado mais profundo da páscoa. A morte é só parte do processo e não detém a vida. No fim, a vida é a palavra final. Jesus ressuscitou, venceu a morte, eis a páscoa; a Existência perdeu a [ Continue lendo]

A morte de Jesus gera a caducidade da morte.

Que sentido tem a morte? Que sentido tem a morte de Jesus? A morte é a certeza de todo mortal, tanto quanto a vida. A qualidade, o significado e o sentido da vida só são possíveis saber, após tê-la vivido intensamente. Com Jesus foi assim. Por isso a morte caducou, e n’Ele ela não tem mais sentido. E por quê? Por que o seu amor a superou, a tornou caduca, sem sentido, porém, não sem função, ainda. E qual a sua função nesta vida terrena? Eternizar a vida, fazer a vida ser eterna. Eterna sob outro aspecto cujos sentidos humanos não conseguem captar em sua totalidade visto [ Continue lendo]

Deus, Deus, Deus!

Quando a angustia bater à porta… Deus, Deus, Deus! Quando o vazio sorrateiro chegar… Deus, Deus, Deus! Quando os erros me sufocar… Deus, Deus, Deus! Quando a solidão perto de mim se achegar… Deus, Deus, Deus! Quando o mundo agitado está… Deus, Deus, Deus! Quando a dor me consome a gritar… Deus, Deus, Deus! Quando a dívida à sobrevivência me cobrar… Deus, Deus, Deus! Quando o dia é noite escura e a noite é dia… Deus, Deus, Deus! Quando aflito, inseguro e com medo estiver… Deus, Deus, Deus! Quando o trabalho é prazer ou me cansado [ Continue lendo]