Novidades

A vida venceu a morte! Eis o significado pascal e a palavra final

cruzPáscoa, passagem da escravidão para a liberdade (êxodo); do velho homem/mulher para o novo homem/mulher (cartas paulinas); da morte para a vida (apocalipse).

Páscoa de Jesus (ressurreição)! Páscoa dos cristãos (escaton, parusia)! É nesse contexto que entendemos que a palavra final não é desesperança, morte, mas justamente o contrário: a eternidade e perenidade da Existência. Eis o significado mais profundo da páscoa. A morte é só parte do processo e não detém a vida. No fim, a vida é a palavra final.

Jesus ressuscitou, venceu a morte, eis a páscoa; a Existência perdeu a sua caduquice e encontrou sentido, eis o significado mais profundo da ressurreição de Jesus; a vida se tornou eterna e perene, eis a nossa fé e nossa real condição em Deus no escaton.

O que celebramos nos/com os rituais religiosos fazendo memoria de Jesus em sua paixão nos é antecipação em seu sentido pleno daquilo que professa e celebra a fé, como também canta e encanta o hinário cristão: “Alegria, irmãos, alegria, nós hoje cantamos, o Senhor ressurgiu! Ressuscitou, ressuscitou, ressuscitou, aleluia…! Ó morte, onde estás ó morte, cadê tu ó morte, qual a tua vitória? Jesus ressurgiu!” Eis, pois, nossa esperança, o significado mais profundo desse dia: A vida venceu a morte! Então, gritamos como o apóstolo: “Se Cristo ressuscitou, também nós com Ele ressuscitaremos”. Feliz Páscoa!

Deixe uma resposta