Novidades

apocalipse

O Apocalipse ontem e hoje.

O livro do Apocalipse enquanto paradigma (referencia) serve-nos de inspiração e esperança em meio as perseguições quando se trata da fidelidade a Jesus de Nazaré. Não é tanto pelo seu conteúdo “profecia” para o “futuro”, não, não se trata disso. É que, como foi escrito em contexto de perseguição e para os perseguidos, ele alimenta aquele espirito cuja vida somos levados a assumir até as últimas consequências quando se trata do seguimento e testemunho de Jesus, em meio a situações adversas de injustiças e opressão, e de supressão do direito à vida e a dignidade [ Continue lendo]

Apocalipse – II: Conteúdo do livro.

  Após nossa introdução ao livro do Apocalipse (Apocalipse -I), apresentamos agora, de modo geral, o conteúdo do livro. Nesse artigo, nos valemos da obra do autor renomado Werner Kümmel.             “Depois da introdução no cap. 1, o Apocalipse é dividido em duas partes principais formalmente distintas: os cap. 2 e 3 são palavras de exortação dirigidas à igreja na época do escritor (as chamadas sete cartas); os cap. 4 a 22 revelam o futuro. É esta a segunda parte principal que abrange quase três quartos do livro inteiro e que possui um sentido estritamente [ Continue lendo]

Apocalipse – I: Início de conversa.

Caro leitor, com esse artigo iniciaremos uma série de reflexão e explicação do livro do Apocalipse, atendendo assim, as muitas solicitações de nossos leitores e internautas.                 Para muitos de nós, o livro do Apocalipse, é cheio de surpresas. Nele está contido o fim do mundo; ele descreve um futuro sombrio, de medo, de tragédia, de dor, de sofrimento, de destruição e morte. É o que muitos afirmam após uma leitura superficial ao pé da letra. É um livro terrível que se impõe com autoridade (não mudará uma virgula do que está escrito…e ai de [ Continue lendo]

Ele está pra chegar!

Há muito e muito tempo que apregoam os profetas da ilusão que esse mundo, precisamente o nosso mundo, estaria caminhando para a destruição. Forças conspiram contra a vida planetária e os destinos da humanidade. Seria Deus? Há quem acredite que ele estaria por trás desses eventos. Seria isso sua justiça em ação, uma vez que nos deu oportunidades inclusive através da ação redentora de seu filho bendito de sermos salvos; e que é chegada a hora e não haverá como escapar. Eis o que diz ou crer aqueles que ceticamente se apoiam numa religião que parece não ter bom senso. É muito [ Continue lendo]