Novidades

Exulta meu espírito em Deus meu Salvador.

           cantodemaria Amigo internauta, contemplando o cântico de Maria, a Senhora, escrito por Lucas, o evangelista, teço algumas linhas como já o venho fazendo nestes últimos artigos. Hoje, peço a você para mergulhar comigo em algo genuíno da fé cristã: a alegria.

            A alegria é uma característica presente nos que estão ou são felizes por algo ou alguém em sua vida. Nesse sentido, a reação muitas vezes é inesperada ou mesmo pensada com efeitos momentâneos ou duradouros por algum ou por muito tempo. Todo nosso corpo, todo nosso ser, biologicamente, reage causando um sensação de bem-estar, de felicidade, de segurança, de amor. Você sabe disso e não preciso me estender nesse assunto. Mas, porque falo isso? Pelo simples fato de que, como dom de Deus, a alegria nos revela algo de divino: Deus é a plena e perfeita alegria; e nele mergulhados somos plenamente felizes.

            Com Maria, a Senhora, foi assim. Seu canto nos versos seguintes (Lc 2, 47-48) conforme Lucas, diz: “Meu espirito se alegra em Deus, meu Salvador; porque olhou para a humildade de sua serva. Eis que, de agora em diante, todas as gerações me chamarão de feliz…” revela o quanto Maria, a Senhora, era feliz. E sua felicidade é plena, porque está centrada em Deus. Com isso não se quer dizer que ela não teve problemas, desafios… certamente, conhecemos sua história numa sociedade como aquela de então, e é bobagem pensar que felicidade e alegria é ausência de problemas, não necessariamente, mas, Maria está feliz e esta felicidade lhe é outorgada pelo que Deus realizou em sua vida. Daí a conclusão do evangelista: todas as gerações lhe chamarão de feliz, bem-aventurada!

            Esses versos durante muitos séculos e ainda hoje é entendido como profecia, pelo fato de gerações inteiras século afora ter Maria, a Senhora, por devoção e intercessora, de modo que todo o povo lhe canta as glórias e maravilhas que Deus nela e por ela realiza.

            A alegria é uma característica da fé cristã e o principal motivo de sua existência é que Deus mesmo é a mais e plena perfeita alegria. O motivo da alegria de Maria é porque Deus mesmo lhe é Salvador e se inclinou para ela com amor redentor, salvador. Nele, seu espirito exulta, canta canções de amor e gratidão.

            Eis, nossa contemplação de hoje!

Deixe uma resposta